São José vai criar roteiro para turismo tecnológico

Projeto está sendo negociado entre prefeitura e Estado; primeiro roteiro no setor atraiu 90 visitantes

 
Xandu Alves
São José dos Campos
 
São José dos Campos terá até o final do ano o primeiro roteiro de turismo específico para o setor tecnológico do Estado, com visitas monitoradas em órgãos públicos e privados da cidade.
Para tanto, a Secretaria de Estado do Turismo e a prefeitura estudam detalhes da operação e a melhor forma de atrair visitantes, além de incluir opções culturais ao plano turístico.
Entre as opções, os visitantes poderão conhecer instituições como ITA (Instituto Tecnológico de Aeronáutica), DCTA (Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial) e o Parque Tecnológico. Visitas à Embraer também poderão fazer parte do pacote, mas isso dependerá de negociação com a companhia.
Segundo o secretário adjunto de Turismo do Estado, José Roberto Cunha, que esteve ontem em São José, a meta é fomentar o turismo e o setor tecnológico por meio dos roteiros de visitação.
Os alvos serão estudantes de ensino médio, universitários e empreendedores que serão atraídos para conhecerem o desenvolvimento tecnológico na cidade, considerado um dos principais polos de inovação do país.
“Estamos discutindo como o Estado pode ajudar a prefeitura a aproveitar ainda mais o potencial turístico que o polo tecnológico da cidade possui, para atrair visitantes de todo o país”, disse Cunha.
 
Piloto. No primeiro semestre, a empresa de turismo Graffit, de São Paulo, que é parceira do governo estadual na empreitada em São José, realizou um projeto piloto de roteiro turístico-tecnológico na cidade, com um grupo de 90 visitantes.
Segundo o proprietário da empresa, Carlos Silvério, a viagem foi um sucesso e a cidade tem demanda para atrair novos grupos.
Ele não soube apontar a quantidade de turistas que poderiam percorrer o roteiro, mas acredita que novos grupos virão até o final do ano.
“É um turismo em roteiros segmentados que é muito comum na Europa, e que começamos a desenvolver no país”.
 
Talentos. Para Sebastião Cavali, secretário de Desenvolvimento Econômico de São José, a meta do roteiro é também atrair talentos para o segmento tecnológico da cidade.
“Estamos perdendo competitividade para outros países, temos que estimular talentos brasileiros a querer ser cientistas e empreendedores”. 
 
Saiba Mais
 
Roteiro
São José terá até o final deste ano o primeiro roteiro de turismo tecnológico do Estado
 
Organização
A novidade vem sendo estudada entre a Secretaria de Estado do Turismo e a prefeitura
 
Órgãos
Entrariam no roteiro órgãos como o DCTA (Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial), o ITA (Instituto Tecnológico de Aeronáutica) e o Parque Tecnológico
 
Visitantes
A proposta é atrair para a cidade estudantes de ensino médio, universitários e empreendedores interessados em conhecer o roteiro tecnológico
 
Talentos
Além de visitantes, outra proposta é despertar o interesse de talentos em inovação para se estabelecer na cidade
 
  • SINHORES EM PAUTA

    Para assistir aos programas exibidos pelo SINHORES EM PAUTA clique aqui
  • LINKS ÚTEIS

    Confira aqui a lista de sites que são referência para o segmento de hotéis, restaurantes, bares e similares.
  • NEWSLETTER

    Assine a newsletter do SINHORES receba em seu e-mail todas novidades